Quem sou eu

domingo, 31 de março de 2013

Respeite os animais, todos os animais..


Tom Zé - Sabor de Burrice


      

Veja que beleza
Em diversas cores
Veja que beleza
Em vários sabores
A burrice está na mesa
Ensinada nas escolas
Universidade e principalmente
Nas academias de louros e letras
Ela está presente
E já foi com muita honra
Doutorada honoris causa
Não tem preconceito ou ideologia
Anda na esquerda, anda na direita
Não tem hora, não escolhe causa
E nada rejeita

Veja que beleza
Em diversas cores
Veja que beleza
Em vários sabores
A burrice está na mesa

Refinada, poliglota
Ela é transmitida por jornais e rádios
Mas a consagração
Chegou com o advento da televisão
É amigo da beleza
Gente feia não tem direito
Conferindo rimas com fiel constância
Tu trazes em guarda
Toda concordância gramaticadora
Da língua portuguesa
Eterna defensora

sábado, 30 de março de 2013

Não seja um protetor pela metade, proteja todos os animais

Aos estudar as características e a índole dos animais, encontrei um resultado humilhante para mim. 
Mark Twain 

Compara-se muitas vezes a crueldade do homem à das feras, mas isso é injuriar estas últimas. 
Dostoievski 


Todos os animais, com exceção do homem,
sabem que o principal objetivo da vida é usufruí-la. 
Samuel Butler 


De todos os animais da criação
o homem é o único que
bebe sem ter sede
come sem ter fome
e fala sem nada dizer 
John Steinbeck 


Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da criação, seja animal ou vegetal, ninguém precisará ensiná-lo a amar seus semelhantes 
Albert Schwitzer 

sexta-feira, 29 de março de 2013


Parece-me que o sorriso, e só ele, faz aquilo que chamamos a beleza de um rosto.
Leon Tolstói

Os três gatinhos

Era um homem solitário, enlutado da vida e aposentado de tudo. Na sua casa morta não havia janela para o sol e nem varanda para a lua. O quintal fora invadido pelo matagal que, de tão alto, tirava-lhe até a visão longínqua do horizonte sem fim. Naquele cenário de sombras os dias corriam devagar, iguais uns aos outros, sem acontecimentos marcantes ou motivos de júbilo. Na noite de festa ali reinaram o silêncio e a desolação, espectros de um tempo em que se ouvia o tilintar de taças e a voz metálica dos bandolins. Nada mais restava, nenhum indício da felicidade extinta nem ninguém junto àquele que se recolhera ao quarto frio da casa adormecida. Nem risos ou canções ou coisa alguma. Teria Deus esquecido desse seu filho?

De manhãzinha bem cedo, antes mesmo de o sol nascer, o velho homem tem seu sono interrompido. – Diabos, que choradeira é essa vinda das bandas de lá? Ecos de bebês famintos? Não mesmo. Aves desgarradas do ninho? Improvável. Pesadelo matinal que se prolongara cama afora? De jeito nenhum. Eram, sim, miados. Gatinhos abandonados… Quem dera, três filhotes surgidos no terreno da frente, principezinhos felinos dentro de um reino de papelão. Um pretinho, um cinza e um todo branquinho. De olhos redondos e esfomeados, gritando sem parar com todo o fôlego de seus pulmõezinhos arquejantes. E agora, o que fazer com eles? Dar-lhes algum resto de comida ou deixá-los à própria sorte, que poderia tanto ser uma alma piedosa como a boca aterradora de um predador.

O homem ensimesmado decidiu, então, acolher os três gatinhos. Trouxe-lhes para dentro de casa, dividindo com eles o seu pobre abrigo escondido de tudo. Pão e vinho a lhes fortalecer o corpo. Quentura e aconchego para curar o espírito. E assim os pequeninos órfãos sobreviveram ao crime da mão anônima que os largou dentro do cesto flutuante. Semanas se passaram e eles, crescendo a olhos vistos, fizeram daquela casa triste um largo espaço de alegria. Quem poderia imaginar? Brincadeiras serelepes no tapete, cortinas balançantes, coral em sol maior na cozinha, patinhas dentro das cumbucas, correrias noturnas e, enfim, no cansaço da poltrona, o merecido sono dos justos. Ah, e também esse ronronar felpudo sobre o peito do homem carrancudo de coração mole.

Não fosse o gesto da manhã primeira, talvez nada disso estaria acontecendo. Aquele que vivia mergulhado na solidão cósmica tornou-se, da noite para o dia, o salvador e companheiro inseparável dos três gatinhos. Sempre que sai de casa ele não vê a hora de voltar, instrumento sob o braço e sorriso estampado no rosto, só para tê-los ao seu redor de rabinhos em pé e, então, mais uma vez, recomeçar… Apenas uma coisa agora preocupava, verdadeiramente, o homem da casa morta que se fez toda florida: o mundo hostil que existia para além dos muros.

Olhar Literário - Laerte Levai

Hora do Mergulho - Engenheiros do Hawaii


Olha só...

Torre torcida e cheia de plantas tenta imitar o nosso DNA

A união da microbiologia e da jardinagem vertical, o Agora Garden, prédio ainda em construção na cidade de Taipei, será uma dupla hélice florida e amplificada a proporções gigantescas.

Projetada pela Arquitetura Vincent Callebaut, a torre residencial utilizará sua selva viva para fins estéticos e de sustentabilidade. Na verdade, essa construção quer ser a mais amiga da natureza da cidade, incorporando para tanto um pomar, um jardim vegetal, espaços de plantas medicinais e aromáticas e um sistema de captura de adubo e água da chuva. Além disso, a torre deverá funcionar no mínimo parcialmente com energia solar; uma espécie de chaminé de luz circular levará os raios solares para o porão, onde absorvedores poderão fazer uso deles quando necessário.

O time de design está (considerando a forma do prédio), sem surpresa, contente em fugir do convencional. Eles descrevem o prédio como “nem uma torre única, nem torres gêmeas”, mas em vez disso “duas torres hélices que se juntam em torno de um núcleo central.” O formato pouco usual da torre também dará aos seus habitantes uma vista também fora do comum — dependendo de onde você estiver, a vista mudará e se transformará com a própria construção.

O projeto está previsto para ser concluído em 2016 e, com propostas tão elaboradas e complexas, a dupla hélice do seu design fará todo sentido
fonte: eco4planet

Olha só que legal...

Gato ganha velório com caixão em Minas Gerais

O gato Cristiano tinha 13 anos quando morreu, na última terça-feira (26), em São João do Manteninha (a 432 Km de Belo Horizonte), em Minas Gerais.

A adolescente Edilaine Gonçalves de Castro, 17, tinha ganhado o felino quando tinha quatro anos de idade e queria ter enterrado o animal no cemitério da cidade, mas não pôde.

A estudante procurou o destacamento da Polícia Militar local, procurando orientações. "Nós lhe explicamos que animais não podem ser enterrados no cemitério. Ela se conformou e fez o enterro em casa", disse um soldado que conversou com a jovem.

"Muita gente foi ao enterro. Realmente chamou a atenção do pessoal", afirmou ele.

Sensibilizados pela tristeza da garota, cerca de 200 moradores da cidade compareceram ao velório do bicho, seguido do enterro, realizado no quintal da casa da família, no bairro Recanto das Pedras, na quarta-feira (27).

"Foi muito triste. Muita gente, principalmente do bairro, ficou solidária com a morte do gatinho dela. Postei as fotos do velório no Facebook e já tive mais de 2.000 acessos. Muita gente também se preocupou com ela", afirmou a funcionária pública Patrícia Aparecida Coutinho Lages, que divulgou a informação do velório e do enterro de Cristiano nas redes sociais.

Segundo a amiga, o velório durou "algumas horas" e teve "até fila". A funerária da cidade preparou um caixão para Cristiano, coberto de flores brancas.

fonte: uol

comentário do altecir: o que eu achei bacana foi o comentário de um leitor no site da uol que diz o seguinte: " O gato era dela, o dinheiro para o caixão e velório é dela, o sentimento é dela. E é dela a mostra de dignidade de prestar uma homenagem para quem a acompanhou desde pequena. Alguém não entendeu alguma parte? "

quinta-feira, 28 de março de 2013

Sessão crueldade humana


Brasil mata um boi, um porco e 166 frangos por segundo

clique em cima para ampliar
Durante os 20 minutos em que você almoça, mais de 200 mil animais são assassinados apenas no país do samba e da pecuária
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou nesta quarta-feira (27/03/2013) os números da pecuária brasileira no ano de 2012 (veja aqui). Infelizmente, o país mantém a triste marca de matar, a cada segundo, um boi, um porco e 166 frangos. Sim, você não leu errado, estes números são referentes a um segundo.
A indústria pecuária comemora o aumento dos assassinatos de bovinos e suínos e relata leve queda nas mortes de frangos. Apenas em 2012, o Brasil matou 31,118 milhões de bovinos. Entre eles, os bois nascidos de inseminação artificial para crescerem e serem assassinados e vacas que não atenderam mais os anseios da indústria leiteira. Sim, se você consome laticínios, saiba que o seu dinheiro ajudou estas empresas a derramar o sangue destes animais. Cada segundo de 2012 trouxe a morte de um boi ou vaca.
Ainda durante os 12 meses do ano de 2012, o nosso país tirou a vida de 35,980 milhões de porcos. Sim, aquele animalzinho dócil e brincalhão que estrelou o filme “Baby”, na década de 90. Imagine um animalzinho curioso daquele tendo seu corpo perfurado a cada segundo.
Apesar destes números serem realmente chocantes, os animais que mais são assassinados pela indústria brasileira são os frangos. De janeiro a dezembro de 2012, 5,238 bilhões de animais tiveram suas gargantas cortadas nos matadouros de aves do Brasil. Este número corresponde à triste média de 166 animais por segundo.
Estes números não englobam a morte de outros animais considerados de consumo em nosso país como peixes, carneiros, jacarés, capivaras, codornas e tantos outros. Enquanto você lia esta matéria, lá fora, nos matadouros, cerca de 20.160 animais foram assassinados e terão seus pedaços expostos em um supermercado próximo à sua residência nos próximos dias. Por favor, não compre e nos ajude a reverter este quadro. Acessewww.sejavegano.com.br e encontre dicas e primeiros passos para uma vida livre de crueldade.
fonte: vista-se

Adote, não compre


domingo, 24 de março de 2013

9 imagens que angustiam quem tem medo de altura


Ucraniano corajoso se equilibra em alturas absurdas para ser fotografado.










fonte: megacurioso

Olha só que legal...

Casa de festas para cachorros é inaugurada em Porto Alegre


Foi pensando em um espaço para o público "cachorreiro", que Greice Barichello e Nane de Souza criaram a Petisserie Dog Bakery, inaugurada na semana passada em Porto Alegre, na Protásio Alves, 12.047 (fone: 9985-1053).

Trata-se de um praça particular para festas em que a companhia dos cães é bem-vinda, ou quase obrigatória. A ideia é que também seja realizado por lá encontro de raças e eventos corporativos do segmento pet. E tem até uma linha de petiscos artesanais própria para os mascotes, que é servida ao longo dos eventos. Greice reforça:

— A ideia não é humanizar os cães, e sim proporcionar interação entre as pessoas que amam cachorros.

A Petisserie mantém uma parceria com o Open Bar Canino, projeto que arrecada doações para ajudar as ONG's cuidadoras de animais abandonados. Na inauguração do espaço, foram recolhidos 104 kg de ração.

fonte: zero hora

sábado, 23 de março de 2013

Tá chegando a hora, não esqueçam de apagar as luzes







Hora do Planeta, movimento organizado pela ONG WWF desde 2007, é o maior ato voluntário pelo meio ambiente de todo o mundo.
Durante 1 hora, pessoas, empresas e cidades apagam suas luzes, não apenas para economizar energia, mas principalmente para chamar a atenção para a causa ambiental, nos fazendo pensar em como estamos agindo para proteger a Natureza, reduzir o consumo, promover a sustentabilidade e evitar o aquecimento global.
Neste ano a data marcada é 23 de Março (sábado), das 20h30 às 21h30, e a expectativa é de que mais de um bilhão de pessoas participem (número já atingido em 2011), tendo cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília já confirmado o desligamento da iluminação de prédios públicos/pontos turísticos

Hora do planeta


Hora do Planeta, hoje, 23 de março de 2013
Apague as luzes da sua casa e ajude a  manter a vida no nosso planeta.

quarta-feira, 20 de março de 2013

Protetora necessita ajuda urgente

Cadela paraplégica abandonada em matagal precisa de ajuda em Canoas, RS




Pessoal, conheci a Prata há alguns dias, ela foi abandonada, num mato fechado com uma grande bicheira sem água e sem comida, para morrer. Tenho tentado ajudá-la, mas já não posso mais, tenho duas paraplégicas que mal consigo assumir e muitos cães ainda internados , dívidas que não tenho mais como pagar, cães que não tenho mais onde colocar, preciso de ajuda, preciso de lar temporário para filhotes e idosos, minhas paraplégicas precisam de fisioterapia e ajudas para as mensalidades.
O caso da Prata é de cortar o coração, está vivendo num abrigo dividindo espaço com mais ou menos 150 animais todos muitos necessitados e apenas uma pessoa cuidando deles, uma pessoa que tem amor demais, mas não tem mais forças e nem muita saúde para continuar. Precisamos urgente de ajuda com ração , medicamentos , coleiras ( preventic) para animais com sarna demodécica. A Prata está em carne viva, pois o local não é adequado e tem tido infecções repetidas , ela precisa urgente de ajuda.

Gostaria de encaminhá-la ao sitio da vó Gi em Arroio dos Ratos (voltado para cães especiais), mas para isto ser possível, precisamos ter a sorte de encontrar alguém que assuma sua mensalidade. Eu não posso mais encaminhar nenhum a nenhuma casa de passagem, pois a maioria eu nem consigo mais pagar. Tenho certeza que a Prata vai se recuperar se tiver um local melhor para ela se arrastar, fazer fisioterapia e futuramente usar uma cadeirinha. Se alguém estiver disposto a ajudar com qualquer valor, mas que seja certo, me ligue, me envie e-mail. Estamos em Canoas (RS).


Contato: Mara – E-mail: marasantos1973@hotmail.com / Cel.: (51) 9792-2419

terça-feira, 19 de março de 2013

Obama, salve o Ártico!

Assine a petição, vamos ajudar a salvar a nossa casa

Diga ao Presidente Obama para impedir de uma vez por todas a perfuração no Ártico
Olá altecir
A Shell resolveu assumir o que todos já sabiam: ela não está preparada paraexplorar petróleo no Ártico. Diante deste fato irrefutável - e depois de muitas trapalhadas e acidentes - a gigante anglo-holandesa decidiu abandonar seu projeto durante 2013. É uma boa notícia, mas ela pode se tornar ainda melhor se a Shell se retirar do Ártico para sempre.
Participe
Agora é o momento para o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, proteger um dos mais importantes ecossistemas do mundo e manter a exploração industrial bem longe do Polo Norte. É por isso que precisamos da sua ajuda para continuar nosso trabalho.
Envie um e-mail para Barack Obama dizendo que a Shell já teve sua chance e que se ele quer ser um verdadeiro líder, deve lidar de maneira decisiva com o aquecimento global. É hora de dar o primeiro passo para que o mundo se livre do “vício” dos combustíveis fósseis e invista em formas limpas de energia, como solar e eólica.
Participe da nossa campanha para proteger o Ártico. Faça agora uma doação para a apoiar a campanha pelo Ártico e salvar a vida dos animais polares.
Fabiana AlvesUm grande abraço,
Fabiana Alves
,
da Campanha de Clima e Energia do Greenpeace Brasil

segunda-feira, 18 de março de 2013

Sessão, o absurdo da coisa...


A pergunta que não quer calar: Porque uma associação de proteção animal serve como lanche animais?
Porque os protetores de animais comem os animais?

em tempo: APABG: significa: Associação Voluntária de Proteção aos Animais de Bento Gonçalves



sábado, 16 de março de 2013

Sessão dose dupla - Nelson Coelho de Castro

Rasa Calamidade

Águias

Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial”.


Somos todos 269: manifestação terá participação de cidades brasileiras


Criado pela Organização das Nações Unidas, dia 21 de março é “Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial”. A mesma data foi escolhida este ano para uma manifestação global para dar voz a seres inocentes que sofrem calados e não podem se defender sozinhos: os animais. A manifestação “somos todos 269” acontece em diversas cidades do mundo no dia 21. No Brasil, as datas e horários variam (confira o evento no final da matéria).
Como bem coloca Singer, a discriminação também pode se dar entre espécies. O especismo, termo e conceito ainda pouco difundidos, é o preconceito da espécie humana contra os seres de outras espécies. Assim, a luta pelo fim da escravidão animal é, também, uma luta contra a discriminação. Por estes e outros motivos 21 de março foi a data escolhida para reivindicar o abolicionismo animal em todo o planeta. O Brasil também mostra sua luta, mas aqui o evento está marcado para o fim de semana.
Confira as cidades participantes, o dia, hora e local onde serão realizadas as manifestações por aqui, e não se esqueça de confirmar sua presença nos eventos no Facebook. O movimento 269 é uma ação coletiva. Ajude a somar, não fique indiferente à violência contra seres inocentes. Os animais agradecem!
Evento:
No Brasil, o “Somos todos 269″ acontece em quatro cidades. Em Bauru (SP), Porto Alegre (RS) e Recife (PE) está marcado para o dia 23 de março (sábado). Já no Rio de Janeiro (RJ), ocorre no dia 24 de março (domingo).
23 de março – SÁBADO
Bauru- às 14h00 na rua Batista de Carvalho, quadra 5
Porto Alegre – às  10h30 na Redenção, nos arcos para caminhada pela Redenção e José Bonifácio.
Recife – às 13h00 na Av. Beira-Mar de Piedade, próximo à Igrejinha de Piedade e ao McDonald’s da Av. Bernardo Vieira de Melo
24 de março – DOMINGO
Rio de Janeiro – às 14h00 na Av. Atlântica, 3200.

sexta-feira, 15 de março de 2013


Páscoa 2013 

Veja onde encontrar seu ovo de chocolate vegano


0% lactose, 0% colesterol e 0% crueldade
A Páscoa está chegando e quase todo mundo adora um ovo de chocolate nesta época. O doce é muito popular no Brasil e as empresas que trabalham com alimentação vegana não vão ficar de fora. Veja abaixo a lista que preparamos com algumas destas empresas.

Pricake / São Paulo-SP
——————————————————————————————————————————–
Vegan Cakes / São Paulo-SP
——————————————————————————————————————————–
Cooperativa Manjericão / São Paulo-SP
Cooperativa Manjericão: Quero saber mais | Quero ver como usar o desconto
——————————————————————————————————————————–
Emporium Vida / São Lourenço-MG
——————————————————————————————————————————–
Ateliê Vipe / São Paulo-SP
——————————————————————————————————————————–
Veg Vida / Campinas-SP
——————————————————————————————————————————–
Chubby Vegan / São Paulo-SP
——————————————————————————————————————————–
Tri-Gostoso / Campina Grande do Sul-PR
Tri-Gostoso: Quero saber mais.
——————————————————————————————————————————–
Olvebra / Eldorado do Sul-RS
Olvebra: Quero saber mais.
——————————————————————————————————————————–
Genevy Soy / São Paulo-SP
Genevy Soy: Quero saber mais.
——————————————————————————————————————————–
Cacau Show / Lojas físicas em todo o Brasil
fonte: vista-se

Sessão Fofoca...


Natalie Portman se casa com direito a festa vegana em Los Angeles



 A atriz Natalie Portman, 31, e o coreógrafo francês Benjamin Millepied, 35, casaram-se no final de semana em Los Angeles.
A festa aconteceu segundo preceitos judaicos, religião de Natalie, e teve cardápio vegano, ou seja, somente com produtos de origem vegetal.
O vestido da noiva foi da grife Rodarte, a mesma que ela usou na cerimônia em que ganhou o Oscar, em 2010.
O filho do casal Aleph, de 14 meses, outros familiares e amigos, entre eles, Ivanka Trump e Macaulay Culkin, estavam entre os convidados.
Os dois se conheceram durante as filmagens de “Cisne Negro”.
fonte: vista-se

Sessão: vergonha nacional

Prefeitura de Camboriú repassa o valor de 130 mil reais para a Liga Catarinense de Rodeio

Sou voluntária da ONG Viva Bicho, onde trabalho com castração, palestras de conscientização eatualizo o site. Resido no municipio vizinho, que é Camboriu. Essa cidade não protege seus animais simplesmente, são muitos vagando pelas ruas (eu faço o que posso e a ONG também). Dos quase 800 animais que estão hoje no abrigo da ONG, muitos são de Camboriu, pois temos compaixão para com todos e agora tomamos conhecimento de um absurdo através de matéria publicada em jornal local.

Eles negam ajuda para controlar a população de cães e gatos e ainda patrocinam rodeio… A administração de Camboriu precisa despertar com urgência.

Enquanto lutamos, pedimos, protestamos, contra o descaso da Prefeitura de Camboriú, para que tomem alguma atitude com relação ao altíssimo número de animais nas ruas, sem nenhum controle de natalidade, e se reproduzindo aos montes, a prefeitura repassa o valor de R$ 130 mil reais para a Liga Catarinense de Rodeio!

Matéria saiu no jornal O Diarinho e Jornal da Cidade:

“A câmara de Vereadores de Camboriú aprovou, na sessão de ontem, o repasse de R$ 130 mil pra liga Catarinense de Rodeio, com sede em Chapecó. A verba corresponde à contrapartida do município pra realização da 5ª edição da “Camboriú Festa Rural 2013′, que acontece na Capital da Pedra de 4 a 7 de abril.”

A cidade está um caos em relação aos animais que estão literalmente largados, procriando descontroladamente. Quantas castrações poderiam ser feitas com metade desse valor? Quantos animais seriam beneficiados por isso?! Quantas pessoas seriam beneficiadas por isso?

Sobre o rodeio, a ONG VIVA BICHO se manifesta: “Os corcoveios dos animais exibidos em rodeios resultam da dor e tormento de que padecem, não só pelas esporas que lhes castigam o pescoço e baixoventre, mas também pelo sedém, artefato amarrado e retesado ao redor do corpo do animal, na região da virilha, tracionado ao máximo no momento em que o animal é solto na arena. É o que concluem dezoito laudos oficiais solicitados pelo Ministério Público e pelo Judiciário, dentre os quais se destacam os proferidos pelo Ibama, pelo Instituto de Criminalística do RJ, e pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo.”
fonte: anda

quinta-feira, 14 de março de 2013

Hora do Planeta 2013


Hora do Planeta 2013


Dia 23 de março de 2013, às 20:30 horas, apague as luzes de sua casa e ajude o planeta a ficar mais bonito.
Não pense somente no seu umbigo, tenha uma visão mais ampla da vida. O planeta Terra agradece.

Hora do Planeta 2013



Sábado, dia 23 de março de 2013, às 20h30, apagar as luzes é só o começo!
 Pelo quinto ano consecutivo, o WWF-Brasil promove no país o movimento global Hora do Planeta. No dia 23 de março de 2013, das 20h30 às 21h30, milhões de pessoas ao redor do mundo vão apagar as luzes em um ato simbólico contra o aquecimento global e os problemas ambientais que a humanidade enfrenta.

Desde 2009, um número crescente de cidades, empresas e pessoas no Brasil aderiu ao movimento apagando as luzes de seus monumentos, escritórios ou casas e organizando atividades especiais para mostrar seu apoio na batalha contra as mudanças climáticas.

Neste ano de 2013, a Hora do Planeta no Brasil convida empresas, governos e toda a sociedade para responder uma pergunta em especial. “O que você faria para salvar o planeta?”. No sábado, 23 de março, apagar as luzes será só o começo.

Hoje, apesar de todos os problemas ambientais existem aqueles dispostos a fazer sua parte para salvar o planeta. A responsabilidade é de todos. Participe da Hora do Planeta, cadastre-se no site, apague suas luzes e reflita sobre como você pode mudar seu estilo de vida para ser mais sustentável.

Lembre-se no sábado, dia 23 de março de 2013, às 20h30, apagar as luzes é só o começo!


Respeite os desejos dos animais, ops, de todos...





Não ter conhecido vida melhor não alivia o sofrimento do animal. Seus desejos fundamentais permanecem e é a frustração desses desejos que constitui grande parte de seu sofrimento. Há muitos exemplos: a vaca leiteira, que nunca tem permissão para amamentar seu bezerro, as galinhas poedeiras, que nunca podem andar ou mesmo esticar suas asas, a porca, que nunca pode fazer seu próprio ninho ou encontrar sua comida na natureza, etc. Por fim, nós frustramos o desejo mais fundamental de todos do animal – o de viver.
David Cowles

em tempo: estes "animais" acima moram na minha fazenda e portanto são membros da família, e por esta simples razão, não vão parar no prato de alguém...